Depois do Hollywood Reporter ter confirmado que Coringa 2 estava em produção na Warner, o diretor Todd Phillips deu uma entrevista para esclarecer a notícia. Em entrevista ao Indie Wire, o cineasta explicou que existiram discussões sobre uma continuação, mas nenhum acordo foi fechado:

“Posso dizer honestamente que não houve nenhuma reunião para outros projetos. Um filme não faz US$ 1 bilhão na bilheteria e você não conversa sobre uma sequência. Joaquin [Phoenix] e eu falamos publicamente que conversamos sobre uma sequência desde a segunda semana de gravações, porque é algo divertido para se conversar. Mas o artigo [do THR] se referiu a outras coisas além disso, que, sinceramente, não são verdade. Não sei como isso começou, se é algum assistente tentando ganhar crédito com um editor”.

Ele continuou, explicando outros detalhes: “Essa é a verdade sobre a sequência: enquanto eu e Joaquin conversamos sobre isso, durante uma turnê mundial com os executivos da Warner (por Toronto, Veneza e outros lugares), claro que nos sentamos para jantar e eles disseram ‘Então, vocês pensaram nisso…?’. Mas, falando em acordos, não há um contrato nem para escrever uma sequência e nunca falamos com Joaquin para repetir o papel. Será que o filme vai acontecer? Novamente, acho que a reportagem foi precipitada”.

O longa do Palhaço do Crime ultrapassou a marca de US$ 1 bilhão arrecadados mundialmente. Anteriormente, o projeto já tinha se tornado o filme baseado em quadrinhos mais lucrativo de todos os tempos – isso considerando a comparação entre o orçamento da produção (US$ 62,5 milhões) com a arrecadação nas bilheterias. O antigo dono da marca era O Máscara, com Jim Carrey.

Coringa está em cartaz nos cinemas. Confira a nossa crítica do filme, clicando aqui.

Veja também:
18 easter eggs e referências (COM SPOILERS)

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui