O evento de revelação da gameplay de Destiny 2 está acontecendo neste momento, às 14:00hrs, e os desenvolvedores já divulgaram grandes notícias! Primeiro, veja você mesmo. AVISO: O post será atualizado com o decorrer da transmissão.

Destiny foi um dos jogos mais esperados de todos os tempos, unindo as empresas responsáveis por Halo e Call of Duty, o jogo prometeu ser um MMORPG Shooter em primeira pessoa e, mesmo tendo entregue uma boa experiência, não atingiu as expectativas. Uma das maiores reclamações foi o fato do jogo não estar disponível para PC.

Antes de Destiny 2 ser de fato revelado, os desenvolvedores falaram um pouco de como foi trabalhar com primeiro, o que os jogadores mais gostaram, o que mais detestaram e o que podemos esperar da sequência.

Dois temas foram os mais comentados durante a conversa, a dificuldade de se jogar Destiny sem um grupo de amigos já formado e a história do jogo que, bem… nunca esteve onde deveria estar, no jogo!

Destiny 2 promete corrigir esses erros e muito mais! É aqui que os SPOILERS começam!

Campanha

Como todo novo começo, é necessária uma nova história e Destiny 2 não falhou em entregar um recomeço épico e empolgante para a franquia.

A campanha continua do gancho deixado pela DLC Taken King, onde os Cabals foram os mais atacados pelas forças do Rei Oryx e juraram chamar seus soldados mais fortes para se vingar, a Legião Vermelha. Como foi mostrado no evento:

Depois de todos os acontecimentos de Destiny 1, não havia nenhum inimigo em todo sistema solar capaz de derrotar os guardiões da luz, até que eles chegaram. Depois de destruir todas as defesas espaciais da Terra, a Legião Vermelha, a força mais poderosa dos Kabals, atacou a última cidade santuário da Terra.

Comandados por Primus Ghaul, os invasores não só destruíram o santuário, mas como “sequestraram” o poder do Viajante (a.k.a Traveler), também rompendo sua conexão com todos os guardiões.

Agora, caberá à você recuperar seus poderes, derrotar a Legião Vermelha e libertar o Viajante de sua prisão, a Terra.

Destiny 2 promete expandir não apenas em sua história principal, mas também nas histórias secundárias que podem ser encontradas em sub-missões espalhadas pelos mapas. Agora, será possível encontrar NPCs que, além de contar informações importantes (SIM, TEREMOS DIÁLOGOS DECENTES), vão distribuir missões secundárias para os jogadores.

A história será mais longa do que a do primeiro (graças aos céus) e terá vídeos em CGI, os famosos “filminhos“, depois de cada fase ou evento importante.

Gameplay

Destiny 2 continua sendo um First Person Shooter, não há muitas mudanças nisso. O que mais chamou a atenção foram os novos poderes e armas mostrados logo nos primeiros minutos de gameplay.

Cada uma das três classes terá uma “habilidade” nova que envolve uma arma específica.

  • Dawnblade (Arcanos): Uma habilidade ligada à uma espada de energia solar;
  • Sentinel (Titãs): Uma habilidade ligada à um escudo de energia do void, podendo ser usado para defesa e ataque;
  • Arcstrider (Caçadores): Uma habilidade que usa um cajado com energia elétrica;

Screenshot_20170518-164543.png

Não chegaram a mostrar nenhuma árvore de habilidades, mas quem já jogou o primeiro notou algumas coisas novas, como uma maneira de cair no chão com uma velocidade maior para atacar quem estiver embaixo.

Outra coisa muito importante mostrada no evento foram personagens entrando em um tanque de guerra e usá-lo em combate, o que pode ser um indício de novos veículos no jogo, quem sabe até poderemos pilotar naves espaciais.

Assim como o primeiro jogo, o nível máximo de Destiny 2 no lançamento será o nível 20, podendo ser aumentado com futuras atualizações.

Mundo Aberto e Exploração

Uma das maiores mudanças, se não a maior, é o tamanho dos mapas apresentados. Agora, cada planeta terá um grande mundo aberto que pode ser explorado em diversos “tipos” de incursão. Além da já conhecida patrulha, os jogadores poderão:

  • Aventuras – Os jogadores poderão formar grupos e fazer missões dentro do mapa em questão;
  • Caçadas ao Tesouro – Os jogadores podem explorar o mapa por tesouros ou entrar em dungeons que, além de terem sua própria carga de desafios e um chefe final, terão como recompensa um tesouro específico;
  • Locais Perdidos – Áreas dos mapas que são controladas pelos inimigos, ou seja, grandes zonas de combate que todos poderão participar;
  • Defense Mode – Um modo de jogo cujo o objetivo é defender uma área aliada de um ataque inimigo;

Outra novidade muito importante é o fato de não ser mais necessário entrar em órbita para viajar para outro planeta. Agora, basta acessar o menu de mapas e escolher seu destino, pulando uma imensa tela de loading que é obrigatória em Destiny 1.

O jogo trará novos planetas para serem explorados, como:

  • Titan (uma das luas de Júpiter): Uma lua “sem chão”, apenas com bases sobre um grande oceano;
  • Nessus: Um planeta ocupado pelos Vex e o último lugar onde o Viajante esteve antes de ser achado pelos humanos

Também mostraram o planeta Io e um mapa chamado de Edz, mas nenhuma informação a mais foi dita sobre eles.

Screenshot_20170518-164510.png

Clãs, Matchmaking e PvP

Um dos maiores problemas de Destiny 1 era o fato de não existir um sistema de matchmaking no jogo, somente para combates no Crisol (o PvP do jogo). Isso quer dizer que não é possível se juntar com jogadores randomicamente para fazer uma dungeon ou uma raid, ou qualquer outra coisa no jogo, na realidade.

A causa desse sistema, tão usado por vários outros jogos, não existir em Destiny foi o medo que os desenvolvedores tinham de formar grupos de desconhecidos para fazer desafios muito difíceis, uma das melhores características do jogo. Segundo eles, isso prejudica a comunidade como um todo. Essa decisão deixou o jogo muito difícil para pessoas que não tinham como formar grandes grupos parar fazer esse conteúdo mais difícil.

Destiny 2 promete resolver esse problema com um sistema diferente de matchmaking, o sistema de clãs. Agora será possível formar facções dentro do jogo, se comunicar com todos os membros, customizar emblemas, etc…

Para aqueles que não quiserem se juntar à um clã, basta escolher uma opção que fará com que o jogador encontre partidas aleatórias, de qualquer grupo ou clã, podendo assim jogar qualquer conteúdo sem depender de vários jogadores encontrados previamente.

O jogo também trará novas opções de PvE, PvP e uma Raid, com o mesmo formato de 6 jogadores.

Blizzard

A maior surpresa do evento foi que a gigantesca empresa de jogos, Blizzard, será a distribuidora de Destiny 2 no PC. Destiny 2 será vendido com exclusividade pela Battle.net, plataforma da Blizzard que hospeda jogos como Overwatch e Starcraft.

Esse será o primeiro jogo da Actvision lançado em uma plataforma da Blizzard.

Screenshot_20170518-164524.png

Destiny 2 será lançado no dia 8 de setembro para Playstation 4, Xbox One e PC

Fontes: IGN

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui