O estudioso do trabalho de J. R. R. Tolkien, Tom Shippey, envolvido na série de O Senhor dos Anéis, da Amazon, revelou o número de episódios da primeira temporada – via Slash Film:

“Logicamente, você tenta agrupar todas as cenas que acontecem em um local e filmá-las para que você não precise retornar a esse local várias vezes. Mas isso também implica que tudo tem que ficar claro no início das filmagens. Você tem que saber o fim. Deve haver 20 episódios para a primeira temporada. Então, até que decidam qual será o fim, não podem começar a filmar.”

A entrevista foi feita por um site alemão, que perguntou sobre os rumores envolvendo as locações da série, como a Escócia ou a Nova Zelândia. A Amazon já decidiu onde vai filmar o seriado, mas ainda não revelou ao público.

Shippey ainda explicou sobre quais partes das histórias de Tolkien podem ser adaptadas:

“A Primeira e a Terceira Eras estão ‘fora dos limites’. Não podem adaptar a Primeira Era. Os eventos poderiam ser mencionados, no máximo, para esclarecer os eventos da Segunda Era. Mas se não for descrito ou mencionado em O Senhor dos Anéis ou nos apêndices, eles provavelmente não poderão usá-lo. Então é um pouco um campo minado. Você tem que andar com muito cuidado, mas ao mesmo tempo há muito espaço para interpretação e livre invenção”.

Segundo o site, a empresa Tolkien Estate está com os direitos da Primeira Era, enquanto a Middle-Earth Enterprises detém os direitos dos eventos descritos em O Hobbit e O Senhor dos Anéis, que acontecem na Terceira Era. Ainda não está claro se a Amazon negociou para referenciar esses eventos em sua série. Segundo os comentários de Shippey, só pode ser adaptada uma parte da obra de Tolkien, que cobre a Segunda Era.

A série de O Senhor dos Anéis ainda não tem previsão de lançamento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui